Em outra época, usava-se o modelo de pagamento recorrente apenas os que prestavam serviços, como o NetFlix, Spotify, Revistas, Tv a cabo e internet. As vantagens do pagamento recorrente são tantas, que até mesmo quem vende produtos começou a aderir.

Mas a pergunta é: O que é pagamento recorrente?

O pagamento recorrente é aquele feito no caso de um serviço contínuo, quando existe uma “assinatura” ou o pagamento de mensalidades.
Mas o que isso significa? Significa que enquanto o serviço continuar a ser prestado, o cliente deverá continuar realizando os pagamentos. O período que essa relação irá durar, é feita em contrato. Na maioria das vezes, existe um período mínimo e, caso o cliente cancele o serviço antes mesmo deste período acabar, ele deverá pagar uma multa por rescisão.

O que define um pagamento recorrente?

Caracteriza-se pagamento recorrente todo aquele pagamento que acontece em períodos pré-determinados para o uso de um serviço ou entrega de um produto. Isso tudo de forma automática e recorrente. A recorrência nesse caso é definida por períodos: semanais, mensais, trimestrais, anuais e até diárias. No caso do pagamento recorrente mensal, podemos exemplificar o serviço de pedágio automático – Sem parar – como um serviço cobrado com pagamento recorrente. O cliente no caso, escolhe o serviço mensal ao invés de pagamento pontuais. O serviço pode ser pago automaticamente no cartão de crédito ou boleto.

Quando ouvir sobre pagamento recorrente, entenda que muitas variações de termo serão usadas para ele: cobrança recorrente e recorrência.

O que NÃO é pagamento recorrente?

Compras únicas não entram nesta categoria, mesmo que a compra tenha sido parcelada, pois pagamentos recorrentes implicam na entrega também recorrente de um produto ou serviço. Por exemplo, se você comprar uma TV e parcelar em 10x no cartão, não podemos dizer que esteja ocorrendo um pagamento recorrente, pois o produto é entregue apenas uma vez, e nesse tipo de transação você parcela a compra (onerando seu limite de crédito no banco) e pronto.

Além disso, compras feitas via boleto bancário também não são consideradas uma forma de pagamento recorrente, porque esta forma de pagamento não atende ao critério de ser “automático”. O carnê depende do cliente ativamente realizar o pagamento.

Por que adotar o pagamento recorrente?

Descubra as diversas vantagens para quem adota o pagamento recorrente. E, se a sua empresa ainda não entrou nessa “onda”, confira 3 razões para você utilizar ainda hoje.

1.Menor barreira para a entrada de novos clientes
Um dos pontos mais interessantes de se adotar o pagamento recorrente é a flexibilidade de entrada. O que isso quer dizer? Os assinantes pagam à medida que utilizam o serviço e não por adquirirem um produto (direito de uso X direito de propriedade). Assim, é possível garantir um preço geralmente mais baixo em curto e médio prazo.

Além disso, apresenta facilidades, já que pode ser realizado mensal, trimestral, semestral ou anualmente, dependendo do objetivo do negócio.
2. Menor risco de inadimplência
Como o valor faturado é automaticamente descontado do cliente, existe uma chance maior dos pagamentos serem realizados em dia. Portanto, a venda recorrente proporciona um menor risco de inadimplência.
O cartão de crédito é mais vantajoso tanto para o consumidor quanto para a própria empresa se comparado com o boleto. E o motivo é simples: o recolhimento é realizado mensalmente no dia acordado, automaticamente.

Resultado de imagem para pagamento recorrente

3. Previsibilidade financeira
A cobrança recorrente garante que a empresa saiba quanto irá receber em determinado período. Assim, fica mais fácil desenvolver um planejamento financeiro e compreender o momento ideal de agir.

Esse controle se torna ainda mais relevante quando se conhece a data exata das entradas. Isso quer dizer que a sua equipe poderá planejar melhor a tomada de decisões, de acordo com a realidade da própria organização.

E o estoque? Essa palavra gera arrepio em grande parte dos empresários, já que o alto volume de mercadorias paradas causa um enorme prejuízo. Aí aparece outra vantagem do pagamento recorrente, pois você terá uma gestão de estoque mais eficiente e lucrativa. Assim, o seu empreendimento não sofrerá com produtos em excesso e nem com a falta deles.

O i-Vertex já está preparado para o Pagamento Recorrente

Através do sistema i-Vertex, você pode implantar o Pagamento Recorrente em seu negócio. Preparado para comunicação com financeiras que oferecem este produto, o sistema já pode efetuar vendas através desta forma de pagamento, trazendo mais conforto para seu cliente.

Tenha sua previsão de recebimentos de forma simples e ágil através dos relatórios financeiros do i-Vertex.

Entre em contato com nossa equipe para maiores detalhes.

Leave a Reply